David Tennant comenta sobre Matt Smith

David Tennant foi capa da última edição da revista Radio Times, onde também comentou sobre o que sente em relação a ter deixado o programa e a atuação do novo Doutor.

Então, Tennant se arrepende de ter deixado o programa?

“Não, senti que era o certo a se fazer, na verdade. E ainda sinto. Estava na hora de passar o bastão e  continuar crescendo. Foi simplesmente maravilhoso e criou muito, muito mais oportunidades. Acho que minha vida está num ponto muito diferente e minha carreira está também num lugar bem diferente em relação ao que era antes de fazer Doctor Who e issto é 90% positivo.”

E a grande pergunta – o que você acha da última temporada de Doctor Who e de Matt Smith?

“Sinceramente, acho que tem sido brilhante. Venho amado cada segundo dela. É uma emoção para mim estar assistindo como telespectador de novo. Eu sabia que Matt iria ser fantástico e ele é. Ele é uma ótima escolha e está fazendo um ótimo trabalho!

A partir deste domingo, dia 10, ele estréia num novo drama da BBC, Single Father, com trechos no vídeo da temporada da BBC, publicado anteriormente aqui.

Fonte da notícia: Doctorwhotv

Publicações feitas por colaboradores que em algum momento fizeram parte da história deste site desde 2009, mas que não mais fazem parte do projeto.

Nos acompanhe e curta nosso conteúdo!

Este post tem 7 comentários

  1. Ahh, claro que sair de Doctor Who foi uma escolha sensata, ele tinha que tentar outras coisas sem dúvida, mas Tennant será sempre muito querido, meu primeiro Doutor *-*
    E Matt é divino, não tem como dizer o contrario [e mesmo que ele achasse, não diria huahauah #maldosa].

  2. O Tennant é um gentleman, uma ótima pessoa, inteligente e culto, pelas entrevistas que li. O Matt está ótimo no papel, o Moffat escreve ótimos roteiros, então Tennant disse apenas a verdade.
    A troca periódica do ator que faz o Doctor é uma das características da série, e isso é muito legal, pois podemos ver o trabalho de vários atores, o que permite uma constante renovação, e, assim, não cansa nunca.

  3. Matheus, acabei de ver em um vídeo do BBC Breakfast uma entrevista com David, na qual ele também diz alguma coisa sobre DW pós-ele, bem legal.
    Domingo vai ser transmitido a parte 1 do Single father. O tema não bem a minha praia, mas o ator é totally a minha praia, e faça o que fizer, ele estará ligado a DW para sempre. Minha questão, Matheus, é: vocês do UW estão pensando em disponibilizar essa minissérie para nós? Se não estiverem, I beg you: please, please, please, think about?

    1. Bianca, olha pelo que sei, a resposta é não. Não vamos trazer está minissérie, pelo menos não por um tempo…Eu por exemplo tenho dois projetos com DW, e mais um, fora da série seria atraso para ambos…

  4. Está certíssimo! Eu implorei, mas sei que vocês já fazem muito mais que o razoável… e aproveito para agradecer mais uma vez todo esse trabalho magnífico e generoso que vocês fazem para nós e pela série.
    Acho que Single father vai aparecer logo no torrent. É, precisamos aprender a andar com as próprias pernas…

  5. Matheus, já assisti ao 1o. epi do Single father. Não foi difícil encontrar nos torrents da vida.
    Tennant, o inesquecível Doctor Tenth, como sempre ma-ra-vi-lho-so, dá uma aula para quem quer ser ator. A mulher do father que se torna single é Laura Fraser, a que fez a Henriette da minissérie Casanova, uma atriz impressionantemente expressiva. Muito legal ouvir o acent escocês (por exemplo, aquela pronúncia divertida do “r” com a língua trepidando…). Mesmo para quem não curte histórias com dramas familiares, vale a pena.

  6. Estou doida pra ver Single father, o problema é achar legenda.

Deixe uma resposta

Fechar Menu