John Barrowman e Eve Myles de mudança…

O ator John Barrowman, intérprete do Capitão Jack Harkness na série, admitiu que está bem ansioso pra gravar a nova temporada nos EUA.

Ele volta com Torchwood: The New World, dois anos após Children of Earth. “Estou me mudando para Los Angeles por 6 meses, a partir de janeiro.”, ele contou à Chris Moyles da Radio BBC 1.

“Nós estamos filmando em Gales e em Los Angeles, porque agora é uma parceria entre a BBC e o canal Starz. Estou muito ansioso. Vamos primeiro filmar a parte de Cardiff, depois viajamos para Los Angeles e filmamos a parte de lá.”

Já a atriz Eve Myles, que interpreta Gwen Cooper na série, comprou uma casa em Hollywood e já está pronta para se mudar quando as filmagens começarem…

“Vamos morar em Hollywood Hills, literalmente abaixo da placa de Hollywood. É como se fosse algo saído de Austin Powers. É como se voltássemos no tempo, para a Hollywood dos anos 60. É muito, muito retrô mesmo. Só teve um dono e vêm sido mantida do jeito exato que era.”

Ela também declarou que nunca havia pensado antes em se mudar para Hollywood: “Eu sempre disse que Hollywood não era pra mim, mas acabou acontecendo. Não sou o tipo de pessoa que vai pra fora do país e trabalha em redes. Eu não fiz nem um quarto do que pretendo fazer aqui no Reino Unido, mas fazer esse projeto lá fora é simplesmente incrível. Que começo de vida brilhante pra Matilda (filha dela, com 1 ano).

Fonte Doctor Who TV: Matéria 01Matéria 02

Publicações feitas por colaboradores que em algum momento fizeram parte da história deste site desde 2009, mas que não mais fazem parte do projeto.

Nos acompanhe e curta nosso conteúdo!

Este post tem 8 comentários

  1. Que legal saber notícias boas deles. Tenho certeza que Torchwood UK-USA será melhor ainda que a arrasadora (literalmente) última temporada.
    Gosto muito desses dois atores. A Eve Myles é lindíssima, não tem nada de clichê nela (nem silicone). O John também é muito sedutor e o papel de Cap. Jack é ótimo. Russell estará para sempre em meu coração, pois foi pelas mãos dele que eu entrei no Universo Who (do qual jamais me retirarei).
    Dá aquele medinho de que as coisas não corram bem, porque o mundo dos filmes e das séries é muito volátil, imprevisível, imponderável. Que será de grande qualidade, não tenho dúvida. Que fará sucesso, je ne sais pas.

  2. Já que vai para os EUA, bem que a Eve Myles podia visitar um dentista e comprar um aparelho ortodôntico, né? E será que nessa temporada vai ter toda aquela pegação gay do cap. Jack Harkness?

  3. Matheus, assistindo àquela nossa série relaxante, me veio a seguinte questão: quando os walking dead pegam uma pessoa, deveriam devorá-la totalmente, não é? Mas, então, por que eles só tiram um naco? Todos os walking dead tem falta de um pedaço no rosto, um braço a menos, etc., mas pela voracidade que eles têm e por atacarem geralmente em bando, não devia sobrar nada da pessoa atacada, muito menos o cérebro, que deve ser um petisco delicioso – só sobrariam os ossos.
    Você não acha isso meio ilógico?

    1. Eu acho que é porque a maioria dos walkers viraram o que são na época da guerra…Então o ataque era interrompido…Pelo menos é uma teoria que faria as coisas fazerem sentido…

  4. Quer dizer que houve uma guerra? Perdi essa parte…

    Isso me fez lembrar daquele historiador, o Eric Hobsbawn. Ele disse que estava proferindo uma palestra em uma universidade, e de vez em quando se referia à Segunda Guerra Mundial. Daí um dos jovens ouvintes perguntou (com aquela cara de inteligente): “mas, então, quer dizer que houve uma primeira guerra mundial?”

    É, a série está muito no começo. Deve ter alguma explicação. Agora os sobreviventes entraram naquele centro. O cientista deve ter coisas a dizer…

  5. Bom é ver gente se incomodar com coisas triviais (ou quase, no caso na pansexualidade do Jack) no seriado, hein.

    Bom saber das notícias. ♥
    A foto é épica, por sinal.

  6. Legal saber de Torchwood. Muito boa a série 😀

    Tomara que tenha 13 episódios a nova temporada ! 😀

Deixe uma resposta

Fechar Menu