Mais “cara de cinema”, BBC investe em novo kit de filmagem para 11ª temporada de Doctor Who

Pela primeira vez, a 11ª temporada de Doctor Who está sendo filmada usando lentes anamórficas Cooke e Angenieux, já que a equipe de produção está fazendo com que a série tenha uma aparência cada vez mais “cinemática”.

A empresa de Bristol, Films at 59, que fornece equipamentos à BBC Studios para produção do drama de ficção-científica Doctor Who, está disponibilizando lentes anamórficas Prime Cooke e zooms óptico-anamórficos Angenieux, que serão utilizados com câmeras Alex Mini e Arri Alexa XT.

De acordo com a Films at 59, o diretor Jamie Childs e o diretor de fotografia Dennis Crossan querem trazer um aspecto cinemático ainda mais aprimorado para Doctor Who, cuja pré-produção já começou em outubro de 2017.

O gerente de aluguel para clientes da Films at 59, Dave Wride, disse:

“A BBC deu um salto monumental aqui para melhorar a estética de Doctor Who, e tenho certeza de que os fãs não ficarão desapontados com os distintos resultados cinemáticos que este combo de lentes e câmeras vão proporcioná-los.”

A mudança de lentes é uma das numerosas mudanças que estão sendo feitas pela nova equipe de produção, liderada pelo produtor-executivo Chris Chibnall e Matt Strevens, no que espera-se ser outro enorme “reboot” da série.

Despedidas

Na produção, Chibnall substitui o atual showrunner Steven Moffat, e há rumores (não confirmados pela BBC) de que o atual compositor musical, Murray Gold, também deixaria o programa.

Porém, uma despedida garantida na produção é a do atual gerente de marca de Doctor Who, Edward Russell, que esteve no cargo desde o retorno da série em 2005.

Ele despediu-se pelo Twitter:

“Tenho planejado minha saída desde o último verão, mas concordei em permanecer para terminar de ver a era de Peter Capaldi. Estarei aqui ainda até o fim do ano. O cargo será encerrado com a minha saída, mas estou certo de que o trabalho vai continuar. Que incríveis 12 anos!”

O último episódio de responsabilidade da atual equipe de produção é o especial de Natal de 2017, “Twice Upon a Time”, que mostrará a regeneração do 12º Doutor para a Doutora de Jodie Whitaker.

Estreia

As filmagens da 11ª temporada já começaram em novembro deste ano, e ela deve estrear entre agosto e setembro de 2018. Ao todo, serão dez episódios, tendo o primeiro duração de 1 hora e os outros nove tendo 50 minutos.

Outra novidade é a estreia dos atores coadjuvantes Bradley Walsh, Tosin Cole e Mandip Gill, interpretando novos companions da 13ª Doutora.

Doctor Who é uma produção da BBC Studios para a BBC one, em co-produção com a BBC America.

 

Fonte: Broadcast Magazine e Doctor Who News

Não sou Colônia Sarff, mas vivo caçando notícias sobre Doctor Who, com ajuda do Circuito de Tradução da TARDIS. Jornalista cultural, escritor catarinense, roteirista de série e whovian de alma. Para ler todas minhas postagens, clique aqui.

Nos acompanhe e curta nosso conteúdo!

Este post tem 6 comentários

  1. Nossa, fora a notícia do investimento, q por si só é espantosa, fico cada vez mais pensativo em relação a essas mudanças. Sla, isso me dá um pouco de medo, tem tanta gente saindo, cara de fim de festa. Espero mesmo q tudo dê certo

  2. Fico contente com essas mudanças! o formato da série já estava saturado. Uma atriz maravilhosamente talentosa como protagonista, a TARDIS cheia novamente e esses investimentos revelam o quanto DW ainda tem a oferecer! Vida Longa Ao Doutor.

  3. Mas gostaria que explorassem melhor o Doutor, por exemplos os traumas dele e coisas assim. Gostaria de conhecer mais a TARDIS e Gallifrey… quem sabe né?

Deixe uma resposta

Fechar Menu